Os doces e brinquedos que marcaram a infância dos anos 90

  • sexta-feira, 13 de março de 2015
  • |
  • 22:23

Entrando na onda dos anos 90 do post anterior, trouxe algumas coisas que deixou muita saudade: alguns doces e brinquedos daquela época.

Os brinquedos eram bem mais simples que os de hoje, mas todo mundo se divertia com eles. Era uma delícia sentar na calçada com os amigos pra brincar dessas coisas. Numerei cada um deles pra vocês acompanharem. Vamos lá?

Brinquedos




1 - Tazos: Os tazos eram "pequenos discos" colecionáveis que vinham dentro dos salgadinhos Elma Chips e foram uma verdadeira febre na década de 90. 

2 - Cara a Cara: Esse jogo fez muito sucesso. O jogador tinha que acertar de quem era a "cara" que o adversário escondia, fazendo perguntas à ele. As respostas tinham que ser SIM ou NÃO. Por exemplo: tem olhos azuis? Se a resposta fosse não, o jogador devia abaixar todas as caras que possuíssem olhos azuis, e por aí ia, até sobrar apenas uma carinha. Esse jogo ainda tem para vender. Muito legal né? Dá uma olhada nas Americanas.

3 - Bate-bate: Esse brinquedinho também ganhou o gosto da molecada naquela época, essas bolinhas eram verdadeiras fazedoras de ematomas, já que o objetivo da brincadeira era balançar para cima e para baixo suas cordinhas, para que as bolinhas se mantivessem em movimento.

4 - Pescaria: Os peixinhos tinham um imã na boca e o objetivo era "pescá-los" com a varinha (que também tinha um imã na ponta). O legal era que os peixinhos faziam movimentos circulares e isso dificultava a pesca. No final, quem pescava mais peixinhos, ganhava.

5 - Fluffy: Feito de borracha, as pessoas o atiravam para cima, como uma peteca. Um brinquedo super simples mas muito divertido.

6 - Bichinho Virtual: Essa foi a grande febre dos anos 90. Um dispositivo eletrônico que continha um "bichinho virtual" que necessitava de cuidados como alimentação, higiene, exercícios físicos, etc. Conforme o tempo passava, o bichinho se desenvolvia. As pessoas ficaram completamente viciadas nesse brinquedo, e levavam seus "bichinhos" para todos os lugares, morrendo de medo que ele ficasse doente ou coisa do tipo, hahaha. Bons tempos.

7 - Gradiente: Quando pequenas, minhas primas Carol e Marcela tinham o rádio/gravador Gradiente, e como nós morávamos na mesma rua, sempre brincávamos juntas e em várias brincadeiras ele estava presente. Uma vez, eu e a Carol decidimos formar uma banda chamada "Babalu Café" (:x) e nós ficamos dias compondo as músicas! O Gradiente vinha com um microfone, então decidimos gravá-las numa fita! Pena que nossa carreira não foi pra frente né Cá? #chateadas HAUHauhueh

8 - Iôiô da Coca-Cola: Juntando as tampinhas do refri e mais uma graninha, você levava os Iôiôs da Coca-Cola, Fanta, Sprite. Todo mundo tinha. 

9 - Mola Maluca: O legal era criar movimentos divertidos com a mola. O pessoal vivia com ela na mão.

Doces


1 - Chocolate Surpresa: Chocolate da Nestlé que vinha com cartões com desenhos de dinossauros e outros animais para colecionar. A gente podia conseguir o álbum mandando uma cartinha para a Nestlé.

2 - Bala Soft: Era nessa bala gostosinha que o perigo morava (hahahaha). Quem nunca engoliu uma dessa inteira e quase morreu engasgado? Rsrs.

3 - Bolacha Fofy: Uma bolacha com formato de ursinhos. Super brincava com elas antes de comer. Rs.

4 - Balas 7 Belo, Pirulito Zorro, Guarda-chuva de chocolate e Dadinhos: Tudo isso vendia no barzinho da esquina. A maioria desses doces ainda tem pra vender.

5 - DipLink: Pirulito que molhava num pó azedinho de diversos sabores.

6 - Mini Chiclets: Esses chicletes quadradinhos eram super gostosos, mas acabava o gosto rapidinho. E isso era motivo pra colocar mais um monte deles na boca.

7 - Chocolate Turma da Mônica: Esse eu amava! Um chocolate preto com o personagem da Turma da Mônica em branco. Sempre que minha mãe fazia compras, ela comprava pra mim e pra minha irmã. A gente colecionava os cartões que vinham dentro da embalagem. Uma delícia!

8 - Chocolápis: Esses chocolatinhos em forma de lápis (e também em formato de cigarrinho) tinha em todos os mercados pra vender e pra falar a verdade, nem eram muito gostosos. O barato deles era brincar fingindo que estávamos escrevendo ou fumando (hahahahah, naquela época era super normal e nenhuma criança saía fumando de verdade por causa deles, fiquem tranquilos, ushuehuhsuheus).

9 - Bala Xaxá: Tinha em vários sabores, mas a que eu amava mesmo era a de morango. Eu devorava o saquinho todo, minha mãe tinha que esconder de mim.


E aí, vocês gostaram de relembrar? Esqueci de alguma coisa? Me contem.

Nessa época nossos problemas eram decidir do que brincar, né? Rsrs. O mais legal de tudo, é que a maioria das nossas brincadeiras, eram nós mesmos que inventávamos, como rolar dentro do tambor né Ká? Hahaha.

Espero que tenham gostado!

Um super beijo e até mais!
6 comentários

COMENTÁRIOS

6 comentários

  1. Muito legal! ...e a fita do Babalu Café ainda está guardadinha em casa,lindas lembranças Fer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que época boa tia! Tenho muitas saudades! Aproveitamos muito! :D Beijos!

      Excluir
  2. Faltou falar do chiclete Ping Pong. Lembro que eu comprava vários pra pegar as figurinhas. Completei os albuns da Amazonia e do Rei Leao.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, verdade! Eu completei o álbum do Rei Leão tb! rsrs Será que ainda tem pra vender? Acho que não né?

      Excluir
  3. Epoca boa q não volta mas .
    Que saudades !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, essa época todo mundo era feliz com pouco! Rsrs

      Excluir